Não deixe para amanhã

Nos momentos introspectivos que precedem o sono, numa noite dessas comuns de meio de semana, João percebeu que seu trabalho não era o que queria. Decidiu que pediria demissão e arranjaria um trabalho fácil que lhe desse tempo para decidir o que realmente gostava. Fez mil planos até esgotar a mente e pegar no sono. João estava cansado.

Acordou em cima da hora na manhã seguinte. Precisava correr para chegar na hora no trabalho, no horário de almoço precisava pagar algumas contas do chefe e à noite tinha a pós-graduação. Enquanto escovava os dentes com pressa, encarou sério seu reflexo no espelho. Seus pensamentos libertários da noite anterior foram substituídos pela mania de repassar as obrigações diárias. João estava atrasado.

Pouco tempo depois, numa noite repetida de sono arisco, João lembrou do que havia planejado, um dia, antes de dormir. Retomou aqueles pensamentos como quem volta para um sonho. Acrescentou viagens e mais viagens. Viajaria o quanto pudesse e com mínimo possível. Viajou até dormir. João estava apressado.

No outro dia, o vizinho de cima o acordou com sua voz alta e rouca matinal. Fazia meses que João queria mudar de apartamento, mas para isso precisava de um aumento. No dia anterior soube de alguns rumores sobre uma possível promoção. Decidiu chegar mais cedo e mostrar serviço. João estava avessado.

Foi numa noite como essas que notou que as coisas que ele planejava antes de dormir pareciam impraticáveis pela manhã. Mas nessa noite em especial, ele não dormiu. João saiu da cama sonolento e lavou o rosto na água gelada. Pegou sua mochila velha, enfiou nela algumas mudas de roupas e foi para o aeroporto pegar o primeiro voo que partisse. João estava realizado.

Conheci João numa clínica que frequento. João e eu tentamos curar nossa insônia.

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em @djex

4 Respostas para “Não deixe para amanhã

  1. Isso mostra o quanto pensamos e não realizamos tudo o que queremos…

  2. Planejar a vida numa noite de insônia mas no dia seguinte não faze nada do que havia planejado, quem nunca?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s